Terapia Gênica Na Oftalmologia

Você sabia que a primeira terapia gênica a ser aprovada pela Anvisa foi para o tratamento de uma doença ocular?

Isso mesmo, isso ocorreu no ano passado e o nome da medicação é Luxturna. Esta droga é injetada embaixo da retina, o que deve ocorrer cirurgicamente durante a cirurgia de vitrectomia via pars plana. O Luxturna visa interromper a progressão de uma doença genética chamada Amaurose Congênita de Leber. Trata-se da causa hereditária mais comum de cegueira na infância

A terapia gênica é uma técnica em que são inseridos genes saudáveis em uma célula para que ela interrompa a produção de proteínas defeituosas. Para isso, é necessário o uso de vetores virais. Estamos falando de vírus que são modificados para não causarem doenças, mas que tem potencial para entrar nas células humanas e entregar o novo material genético fabricado em laboratório.

Manipular os genes a nosso favor é uma proposta promissora. Assim, por agora nos mantemos esperançosos pois a terapia gênica permanece em constante avanço e num futuro próximo poderemos ter disponíveis no mercado tratamentos novos para muitas outras doenças oftalmológicas que hoje ainda são consideradas incuráveis…


Posts Em Destaque
Posts Recentes